Connect with us

Hi, what are you looking for?

Costa Rica

TRE-MS mantém indeferimento de candidatura de ex-prefeito de Bandeirantes

Por unanimidade, o  (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) negou recurso e manteve o indeferimento da candidatura do ex-prefeito de Bandeirantes Álvaro Urt (DEM). O julgamento ocorreu na tarde de segunda-feira (10).

A PRE (Procuradoria Regional Eleitoral), do MPF (Ministério Público Federal), se manifestou contra o recurso. A relatora, juíza Monique Marchiori Leite, acatou os argumentos e também votou contra o recurso.

Todos os outros membros do Pleno seguiram a relatora, rejeitando o pedido de Urt por unanimidade. Ainda há possibilidade de recurso, até chegar ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Histórico

Urt teve o mandato cassado no fim de setembro, após processo aberto com base nas investigações da Operação Sucata Preciosa, desencadeada pelo  (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), que investigou emissão de notas fiscais frias no serviço de manutenção da frota de veículos.

Após a cassação, o MPE (pediu a impugnação de sua candidatura. O advogado de Urt contestou alegando que o processo foi irregular.

Porém, o juiz Daniel Foletto Geller, da 34ª Zona Eleitoral de Bandeirantes, negou a manutenção do registro. O democrata pode concorrer, mas se reeleito, corre o risco de ser obrigado a deixar o cargo caso perca o recurso na instância final, o TSE. Fonte midiamax

You May Also Like

Marketing Digital

Já se foi o tempo em que costumávamos usar o Instagram ou qualquer outra rede social como Facebook ou mensageiros como Whatsapp  para compartilhar...

Cidades

Um candidato a prefeito em Rio Negro, distante 149 km de Campo Grande, terá que excluir um post em que desqualifica uma pesquisa eleitoral...

Brasil

O Brasil atingiu a marca de 200 mil mortos por Covid-19 nessa quinta-feira (7/1). Em 10 meses, o novo coronavírus mudou a maneira como os brasileiros vivem, relacionam-se...

Destaque

A prefeita de Sidrolândia, Vanda Camilo (PP), voltou a trás e anulou a nomeação de três familiares para cargos comissionados na prefeitura da cidade...