Connect with us

Hi, what are you looking for?

Brasil

No Roda Viva, Mandetta diz que Bolsonaro preferiu salvar economia

Ex-ministro da Saúde Luiz Henrique Mandetta (DEM) afirmou, durante entrevista ao programa Roda Viva, da TV Cultura, que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) minimizou a pandemia de Covid-19 por “uma opção política consciente”. Mandetta também disse que outros ministros e o chefe do Executivo escolheram no que acreditariam e que o protocolo para uso da hidroxicloroquina era “muito bem arquitetado”.

“Joga cloroquina, começa a chamar de vírus chinês, fala que a culpa é da China. Então, não dá para falar da China, fala que é da OMS. Passou o Ministério da Saúde a ser o elemento de raiva: esse é o cara que traz a notícia ruim, fala o que não quero ouvir. Tanto que eles trocam o ministro e uma das primeiras coisas que o ministro militar chega e fala e que não vai mais dar números”, relatou.

Mandetta afirmou que houve polarização entre o prejuízo econômico e a questão sanitária, com influência do ministro da Economia, Paulo Guedes, sobre o tema. “O presidente falou: ‘Eu prefiro atender a econômica porque acho que é mais importante que atender a saúde”, disse o ex-ministro sobre declaração de Bolsonaro.

“Não acho que seja despreparo, acho que foi uma decisão consciente, sabendo dos números, apostando num ponto futuro (…) Ele se abraçou na tese da economia, já para ter uma vacina para ele e falar: ‘A economia vai recuperar, fui eu que recuperei, não deixei’. Ele fez uma opção política consciente que colocava em risco a vida das pessoas. Isso foi consciente da parte dele, não tenha dúvidas”, apontou.

Durante a entrevista, ele se disse incomodado com o “falso dilema” entre saúde e economia. Para o ex-ministro, Paulo Guedes olhava muito para o próprio ministério e tinha muita influência junto a Jair Bolsonaro.

“Ele devia chegar no presidente e falar: ‘Esse ministro da Saúde vai parar o Brasil, o mundo vai acabar, vai ter desemprego, gente na rua, quebra-quebra. Ele deve ter sido de grande influência para o presidente tomar aquelas atitudes”.

You May Also Like

Marketing Digital

Já se foi o tempo em que costumávamos usar o Instagram ou qualquer outra rede social como Facebook ou mensageiros como Whatsapp  para compartilhar...

Cidades

Um candidato a prefeito em Rio Negro, distante 149 km de Campo Grande, terá que excluir um post em que desqualifica uma pesquisa eleitoral...

Brasil

O Brasil atingiu a marca de 200 mil mortos por Covid-19 nessa quinta-feira (7/1). Em 10 meses, o novo coronavírus mudou a maneira como os brasileiros vivem, relacionam-se...

Destaque

A prefeita de Sidrolândia, Vanda Camilo (PP), voltou a trás e anulou a nomeação de três familiares para cargos comissionados na prefeitura da cidade...